Resenha: Lady Killers | Tori Telfer

Serial Killers existem, em algum momento de nossas vidas nos deparamos com histórias de monstruosos homens que, principalmente na década de 80/90, matavam de forma cruel suas vítimas. Mas, você conhece alguma serial killer do sexo feminino? Seu anseios, motivos e especialmente o que a fez assassinar a sangue frio diversas pessoas. 

A sociedade, com o decorrer dos anos, tende a ocultar provas e informações sobre mulheres assassinas ou ocultando a verdade por trás dos assassinatos cometidos por elas. E é exatamente isso que encontraremos nesse livro, existem sim mulheres serial killers e elas são até mais letais que os homens.

Editora: DarkSide
Avaliação: ★.5/5
Onde encontrar: Amazon - Saraiva - Submarino

Nesse livro conhecemos casos reais de assassinato em série protagonizado por mulheres, e é impressionante a falta de informação disponibilizada sobre esses casos, muitos casos que entraram no esquecimento pelo simples fato de ter sido uma mulher que cometeu todos eles. Em muitos dos casos elas acabam impunes, sexualizadas e desacreditadas pela maior parte da população e mídia. Já em outros percebem que são crimes tão bárbaros que acabam recebendo pena de morte, algumas delas sendo a primeira de seu estado ou pais. Em cada capítulo aprofundamos em um caso, na mente de uma dessas mulheres, conhecemos sua infância, suas motivações e como começaram a matar e como acabou sua vida.

Temos um dossiê completo sobre 14 dessas mulheres que ficaram pela história, sendo a mais recente a Nannie Doss, ou a vovó sorriso, que atuou na década de 90 e a edição brasileira ainda nos presenteia com a história de mais 14 mulheres, entre elas uma brasileira conhecida como Viúva Negra que está foragida há mais de 30 anos, sendo esses casos mais atuais que os escolhidos pela Tori. Entre eles temos a Elizabeth Báthory ou A Condessa Sangrenta como ficou conhecida que seu passatempo era torturar e matar suas criadas, podendo ter feito até 650 vitimas na época em que atuou. Porém sua história levou outros caminhos onde a sexualizaram, diziam que ela era um vampira ou que se banhava no sangue de suas vítimas para preservar sua beleza. Tudo para suavizar seus terríveis crimes.

Há algo muito sedutor na palavra "assassina". Talvez o s duplo de serpentes que aparece duas vezes conceda à palavra seu encanto venenoso.  E então há as histórias: Lilith, Lady Macbeth, Medusa, Medeia. Elas são notáveis antagonistas literárias, mas é ainda mais arrebatador - para os curiosos mórbidos, pelo menos - quando essas mulheres se tornam reais.

Conhecer essas histórias e o modo como elas foram conduzidas percebemos a descrença a cerca da figura feminina, como se elas não fossem capaz de matar logo não teria chance de se tornarem serial killer. A cada história que passava era uma nova pesquisa no google para saber um pouco mais de como foi a vida dessas mulheres. Apesar de ser um assunto em que poucos acabam aprofundando é muito interessante entrar na mente dessas mulheres e acompanhar seu caminho até seu fim. Não é aquela leitura que você faz de uma vez, é sempre bom dar um tempinho entra cada história.

A edição da DarkSide é maravilhosa, além dessa capa perfeita, cada página tem uma surpresa diferente e faz com que o livro se torne cada vez melhor. Além de tudo, no final ainda tem uma lista de indicações de filmes/séries que usem alguma dessas mulheres como base para suas histórias. Nem todos tem interesse nesse assunto mas recomendo pelo menos pesquisarem sobre notórias serial killers e quem sabe assim não se interessem em ler esse livro!

Espero que gostem e até a próxima
Thay

Thayná Alves

Thayná Alves, 19 anos, carioca, cursando Relações Públicas e apaixonada por livros e séries.

13 comentários:

  1. Adorei o post, me interesso nesse livro

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo post, continue assim
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oi, Thayna como vai? Ótima resenha, a edição está belíssima. Deve ser uma obra fascinante. Abraço!


    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Olá, bom dia
    Adorei a resenha e essa edição da darkside
    Abraço

    ResponderExcluir
  5. Oi Thayná!
    Queria muito esse livro, que proposta e edição maravilhosas!
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Olá, Thay.
    Acabei de ficar um tempão com esse livro no carrinho da Amazon. Está 3 livros da editora e o mais barato sai de graça. Foi dificil me decidir mas acabei retirando ele e comprei outros. Mas ainda quero ler porque o livro parece incrível.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  7. Olá, Thayná!

    Acredita que eu vivo namorando este livro nos blogs e no perfil da editora? rsrsrs Acho a premissa dele incrível, e todas as resenhas que li ele ganhou nota 5 (Estou perdendo tempo, né? haha). Adorei a sua resenha, só me confirmou que devo comprá-lo o quanto antes!

    Beijos!
    https://cantinhodaaescrita.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Oi, Thay!
    Realmente é muito raro vermos algum caso de serial Killers protagonizado por mulheres. Achei mega interessante essa edição, que por sinal, está lindíssima!

    Beijos
    Construindo Estante || Instagram

    ResponderExcluir
  9. Eu estava e ainda estou louca por esse livro. A Darkside sempre arrasa no visual dos livros, né? Mas sim, como pouco se fala sobre assassinas, serial killers do sexo feminino, esse livro me deixou bem curiosa a respeito. Conhecia apenas a Bathory e até hoje fico chocada com seus crimes. Achei super interessante, espero conseguir ler um dia.

    Abraço,
    Parágrafo Cult

    ResponderExcluir
  10. Oi Thay,
    Não vejo a hora de ter esse livro! Mas estava tão caro que acabei adiando a compra, rs.
    Estou de olho em promoções, rs.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Olá...
    Adorei a sua resenha!
    Sempre esbarro com esse livro por aí, mas, ainda não tinha lido nenhuma resenha sobre. Pelos seus comentários parece ser uma leitura agradabilíssima e com certeza me deu vontade de ler também.
    Dica anotada!
    Bjo

    http://coisasdediane.blogspot.com/

    ResponderExcluir